Compras sustentáveis: 3 benefícios dessa mudança para a sua empresa

A sustentabilidade é um tema de cada vez mais relevância na atualidade – e existem dados que comprovam a importância desse assunto. 

Segundo um levantamento feito pela ONU, 25 milhões de toneladas de plástico são lançadas nos oceanos, por ano. Com esse ritmo, a ONU considera a possibilidade de existir mais plástico nos oceanos do que peixes até 2050. Assustador, não é mesmo?

É por isso que cada esforço feito para evitar por problemas como esse são relevantes para a sociedade. E hoje vamos falar de um desses esforços: as compras sustentáveis. Continue a leitura e entenda mais sobre esse tema!

O que são compras sustentáveis?

As compras sustentáveis são processos que olhem não apenas para os benefícios corporativos – como custo-benefício – como também para a sociedade e o meio-ambiente. Com ela, é estimulado o uso eficiente dos recursos materiais a fim de reduzir o impacto ambiental.

“Ah, então é só comprar produtos recicláveis?”. Não necessariamente. Uma compra sustentável pode ser caracterizada por: 

  • Embalagem com materiais compostáveis;
  • Compra que evita o desperdício;
  • Gera menos resíduos;
  • Menor uso de recursos naturais;
  • Produção com menor uso de energia ou água;
  • Pode ser reciclado ou reutilizado;
  • Redução de materiais tóxicos ou perigosos.

Todos esses aspectos podem configurar uma compra como sustentável. Mas é importante lembrar que a compra deve estar aliada às necessidades e objetivos da empresa, para evitar ainda mais desperdícios.

ISO 20400 como ajudante da sustentabilidade

Se sua organização está interessada na sustentabilidade, a norma ISO 20400 pode lhe ajudar. A primeira norma criada para regulamentar as compras sustentáveis, ela orienta empresas com as melhores práticas para garantir aquisições ambiental e socialmente responsáveis.

Dentro dos princípios de compras sustentáveis da ISO 20400 estão desde a prestação de contas e a responsabilidade até a transparência, o respeito pelos direitos humanos e o comportamento ético.

E para conquistar todos esses objetivos, a ISO sugere normas para aliar a sustentabilidade à estratégia organizacional e integrá-los às políticas de compras corporativas internas e externas.

Quais são os benefícios em investir nas compras sustentáveis?

Aumentar a reputação corporativa

Hoje é possível encontrar uma série de certificações que podem lhe destacar diante à concorrência, como a autorização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e a Programa de Prevenção de Riscos Ambientais – PPRA.

Licenças ambientais como essas podem ser divulgadas pela marca a fim de mostrar aos stakeholders a importância da sustentabilidade dentro da corporação. Essa ação terá como “consequência” o aumento da reputação corporativa.

Vale lembrar que os fornecedores cujos quais a sua empresa trabalha podem afetar positiva ou negativamente sua imagem. Por isso, é importante não só trabalhar com fornecedores sustentáveis, mas também garantir que eles estão realizando seus processos pensando no meio ambiente. 

Vantagem competitiva

Se até agora esse texto ainda não lhe chamou a atenção, o próximo assunto chamará: dinheiro. 

Se você pensa que sustentabilidade é algo que irá custar caro para a sua empresa, já parou para pensar nos ganhos que essa bandeira pode gerar no seu negócio?

Durante o painel “Melhores Práticas para os Desafios Socioambientais”, a presidente do Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (Cebds), Marina Grossi, afirmou que a sustentabilidade corporativa é reflexo do interesse dos stakeholders pelo consumo consciente – que podem gerar uma maior competitividade e influenciar a lucratividade.

“O desenvolvimento sustentável entrou definitivamente na conta da competitividade internacional. O setor privado se organizou e se comprometeu com a sustentabilidade. Muitas empresas buscam as melhores práticas, compartilham experiências e, em seu portfólio, a área de sustentabilidade cresce mais do que as áreas tradicionais”.

Ou seja, se a sua empresa quer se destacar diante a concorrência, as compras sustentáveis podem ser a solução. 

Mais sustentabilidade

Esse ponto pode parecer óbvio, mas muitas vezes focamos tanto na parte financeira e organizacional de uma mudança que esquecemos os benefícios que ela pode trazer. E nesse caso, os benefícios são para a empresa, seus consumidores e a sociedade em que ela está inserida.

Dentre a série de benefícios sustentáveis, vale destacar:

  • Economia financeira graças à redução de gastos com água, energia e descarte de resíduos
  • Maior eficiência no uso de recursos e insumos
  • Impacto positivo no mercado, oferecendo produtos sustentáveis por melhores preços
  • Ampliação das oportunidades de mercado pela diferenciação de produtos e serviços;
  • Incentivo à inovação
  • Diminuição da emissão de gases de efeito estufa e de resíduos para os aterros
  • Promoção do desenvolvimento de comunidades locais;
  • Promoção da segurança, saúde e igualdade.

Como garantir que minhas compras são sustentáveis?

Para que a sustentabilidade marque presença na cadeia de suprimentos, existem alguns passos simples que podem facilitar essa mudança. São eles:

  • Escolher fornecedores responsáveis e/ou estimular a sustentabilidade nos fornecedores atuais;
  • Exigir que a legislação seja cumprida nas produções;
  • Se informar sobre as licenças regulatórias e ambientais do fornecedor;
  • Incentivar a reciclagem e reutilização de produtos entre os parceiros e stakeholders;
  • Analisar possíveis otimizações nas entregas para deixá-las mais sustentáveis;
  • Se informar com fontes confiáveis sobre a performance ambiental e o ciclo de vida de cada produto;
  • Fazer uma análise de risco e de Compliance adequada à categoria de fornecimento ou tipo de serviço prestado.

Compras sustentáveis é um passo na direção certa

Um dos principais objetivos nas compras sustentáveis é levar os cuidados com o meio-ambiente para a cadeia de suprimentos. Com os noticiários repletos de reportagens sobre os problemas ambientais que vivemos, investir na sustentabilidade significa investir no mundo em que vivemos.

Apesar do custo dos produtos provavelmente serem mais altos, não se esqueça que os benefícios em escolher “ser verde” fazem essa mudança valer a pena.Artigo escrito pela Linkana, empresa referência na análise pública automatizada de Compliance e governança corporativa do processo de homologação de fornecedores.