Como escolher o seu bangalô sobre a água?

Escolher um bangalô sobre a água parece uma questão complicada, dado o panorama geral das Maldivas.

Todas as ilhas parecem iguais, todas têm areia branca e coral, todas têm águas transparentes e quentes, com mergulhos inesquecíveis.

Mas se você começar a analisar mais detalhadamente as características de cada hospedagem, perceberá que existem muitas diferenças nas ilhas e que, de acordo com suas necessidades ou expectativas, a escolha não é tão simples e óbvia.

Existe a ilha das Maldivas clássica de forma redonda com uma bela barreira ao seu redor; há uma ilha muito grande que perde um pouco o charme das Maldivas, mas permite que você não se sinta sozinho ou entediado.

Há também uma ilha com um restaurante com piso de areia e outra com ladrilhos também nos caminhos internos.

Além disso, existem ilhas mais adequadas para crianças e outras menos adequadas.

Existem vários parâmetros a serem considerados ao escolher o bangalô sobre a água ideal.

Então, quais podem ser os parâmetros a serem considerados ao escolher o bangalô sobre a água ideal?

  • Preço;
  • Crianças;
  • Tamanho da ilha;
  • Tipo de estrutura;
  • Quantidade de quartos;
  • Recife;
  • Época do ano;
  • Qualidade do bangalô;
  • Distância da capital.

O preço do bangalô na água

O custo das férias geralmente é um dos fatores relevantes na escolha do bangalô e há muitas variáveis que determinam esse fator.

De qualquer modo, é interessante você saber que, geralmente, os bangalôs na água são um pouco mais caros do que os bangalôs que ficam na praia!

Um bangalô na água pode variar de preço de acordo com a época do ano

Um bangalô na água pode ter custos diferentes, dependendo das diferentes épocas do ano.

A semana de Ano Novo, as duas primeiras semanas de agosto e a maior parte do período do início de janeiro ao final de março são geralmente considerados os mais caros.

Saiba que, no entanto, você deve considerar que as Maldivas não são baratas.

Qualidade do bangalô

Outro ponto que você deve analisar na hora de fazer a sua reserva é a qualidade do bangalô.

Mas o que levar em conta?

Leve em conta não apenas os aspectos estruturais da hospedagem, mas também o atendimento oferecido e as atrações ofertadas aos hóspedes.

Crianças

As crianças são aceitas em praticamente todos os lugares.

Você pode escolher ilhas com o serviço de babá, miniclube , ilhas que em determinadas épocas do ano oferecem descontos ou ilhas que apresentam todas as condições ideais para férias com crianças.

Porém, é importante que a ilha tenha um centro médico e que não fique muito distante do aeroporto, caso surja alguma emergência.

São poucos os bangalôs que não aceitam crianças, mas isso se deve ao fato de que os bangalôs na água podem ser um pouco mais perigosos, seja pela profundidade local ou pelo fato de que as escadas são escorregadias.

Mas, de qualquer forma, é difícil achar uma hospedagem que não aceite. Existem, mas são bem poucas.

Tamanho da ilha

Cada ilha tem diferentes tamanhos e formas. Existem ilhas longas e estreitas, outras de forma redonda, algumas grandes e outras pequenas.

O tamanho da ilha geralmente determina a quantidade de quartos, a quantidade de restaurantes e bares e, portanto, dos turistas presentes.

Tipo de estrutura

A estrutura determina o tamanho dos bangalôs, o nível de serviços e, consequentemente, o custo.

Existem ilhas onde não há ar-condicionado e estruturas onde você pode ficar em bangalôs de 300 m² equipados com todos os confortos ou ser massageado em um spa abaixo do nível do mar.

Nos últimos meses, devido ao aumento nos custos de operação das ilhas e à crescente demanda por conforto e luxo dos visitantes, novos resorts de luxo estão sendo reformados ou construídos, mudando um pouco a concepção que já existia sobre as Ilhas Maldivas.

Felizmente, existem muitas hospedagens que podem oferecer serviços diferentes, de acordo com suas expectativas e possibilidades econômicas, sem serem consideradas luxuosas e economicamente inacessíveis pela maioria dos turistas.

Quantidade de quartos

Como mencionado acima, o número de quartos depende em grande parte do tamanho da ilha. Quanto maior a ilha, maior o número de quartos, com algumas exceções.

Às vezes, no entanto, também pode acontecer que em uma ilha pequena ou média, os quartos sejam, de qualquer forma, de um número considerável.

Alguns resorts construíram bangalôs de dois andares, outros decidiram construir sobre a água para aumentar a capacidade de acomodação da hospedagem.

Esses bangalôs sobre a água não aumentam a quantidade de quartos na ilha, mas aumentam o número de pessoas nas áreas comuns.

Nas Maldivas, no entanto, mesmo em resorts com muitos quartos, a tranquilidade e a privacidade são garantidas. 

Recife

A presença ou ausência do recife é muitas vezes decisiva na escolha do bangalô na água.

Algumas hospedagens não têm o recife de coral acessível a partir da costa. Outras ilhas são cercadas total ou parcialmente pela barreira e isso permite total independência em viagens de snorkeling.

Em ilhas desse tipo, a distância do recife da praia ou sua extensão determina a área de lagoa presente.

Para simplificar, entenda que quando menos recifes há em uma ilha, maior a extensão da lagoa!

Distância de Male

Escolher bangalôs na água nas Maldivas com base apenas na distância da capital é bastante difícil, mas pode ser um ponto de partida para outros tipos de avaliação.

Escolher um bangalô muito perto de Male e do aeroporto pode significar paz e tranquilidade, devido a hidroaviões e aviões sobrevoando os resorts, barcos passando perto da ilha ou até luzes da cidade à distância.

Se por um lado isso pode ser um incômodo para quem quer mais paz e sossego na ilha, pode ser o oposto para aqueles com crianças que procuram bangalôs o mais próximo possível da capital, tanto pela menor duração da do transporte quanto pela proximidade dos serviços de saúde.

A distância dos bangalôs à capital também afeta parcialmente o custo do pacote de férias.

O preço dos bangalôs na água que só podem ser alcançadas por hidroavião são maiores, porque o transporte via barco é mais barato do que de avião.

Resumidamente, para você escolher seu bangalô na água, é preciso levar muitas coisas em consideração.

Mas vale a pena cada minuto que você reservar para fazer isso. Afinal, serão férias inesquecíveis nas Maldivas! Você gostou das nossas dicas para escolher um bangalô na água? Então aproveite para conferir esse link e planejar suas próximas férias nas Maldivas!